Como jogar bem poker: NOVE dicas imperdíveis

Home » Blog » Como jogar bem poker: NOVE dicas imperdíveis

BLOG

June 04, 2021 1:21 pm

Como jogar bem poker: NOVE dicas imperdíveis

Imagem do post

Nosso artigo hoje é mais do que especial. Fizemos uma seleção de diferentes estratégias e informações que ajudam a responder a seguinte questão: como jogar bem poker?

Se você nos acompanha por aqui, sabe que a DM Créditos está comprometida em fornecer de forma gratuita e periódica, diversos textos que exploram diferentes aspectos do universo do poker e das apostas esportivas.

O texto de hoje, em certo sentido, ajuda a sintetizar um pouco diversos temas que já abordamos em outras ocasiões. Aqui, entretanto, queremos responder a uma pergunta específica que vai ajudar a melhorar o seu nível no poker. 

Por isso consultamos outros textos, artigos e temas para filtrar as informações mais importantes para atingir o nosso objetivo. Sem mais delongas: quer saber como jogar bem poker?

Vamos te mostrar o caminho das pedras em dez passos. Está feito o convite! 

10 dicas para melhorar o seu nível de jogo    

Talvez o grande segredo do poker é que, ao mesmo tempo, o jogo é extremamente simples e complexo. Muitos jogadores de sucesso dedicam um bom tempo compartilhando seus conhecimentos através de cursos e livros. Em grande medida, as dicas que trouxemos aqui para você podem te ajudar a jogar bem o poker – independente de suas ambições no esporte. Vamos a elas. 

1. Tenha o domínio das regras básicas do jogo 

Pode parecer bobagem, mas conhecer as regras básicas do jogo com certeza vai te ajudar a tomar decisões mais acertadas. Atualmente, a modalidade de poker mais jogada no mundo é o Texas Hold’em. Então, domine as regras desse jogo, como o ranking de mãos e as combinações possíveis. No Texas Hold’em, cada jogador recebe duas cartas por rodada e serão dispostas na mesa cinco cartas chamadas “comunitárias”. 

Os jogadores vão jogando conforme a sua posição na mesa (falaremos mais sobre a importância das posições mais abaixo), realizando apostas, aumentando (raise), pagando (call) ou desistindo da mão (fold). Entender essa dinâmica básica é muito importante para poder avançar para as dicas subsequentes, ok? Por isso, separamos alguns artigos para você que podem te ajudar a aprender essas regras mais básicas:

O básico do poker: aprenda as regras do poker e como jogar.

Por onde começar: aprendendo a sequência das cartas.

Aprenda tudo sobre as combinações do poker.

Hierarquia do poker, da melhor para a pior mão

2. Aprenda a jogar com diferentes perspectivas

Depois de estudar um pouco das regras básicas do jogo e entender a sua dinâmica, vale a pena gastar um tempo refletindo e treinando diferentes abordagens em uma mesma partida. Isso é relevante, pois devemos levar em conta que cada mão, cada oponente, cada ambiente demanda variações.

Uma dica boa é ser um jogador agressivo nas mãos que quer jogar. Isso quer dizer aumentar suas apostas em todas as fases de jogo. E se você for a primeira pessoa a fazer a ação, sempre aumente as fichas. Isso demonstra força e te dá controle do pote. Imagina só você perder no final tendo um par de Reis para um adversário que joga com um 8-4 e consegue um flush no river? Elimine esses riscos! Como? Sendo agressivo. 

Jogos assim são os que constroem grandes potes. Por outro lado, às vezes é necessário adotar uma postura mais conservadora e ser paciente. Uma das dicas mais básicas do poker é simplesmente desistir de muito mais mãos do que você joga. Pode ser chato, mas é uma bela verdade amparada principalmente por dados estatísticos e matemáticos (dos quais falaremos adiante). 

Resumindo: seja agressivo nas poucas mãos que realmente tenha boas chances e tenha paciência nas que as probabilidades não estão jogando com você.       

3. Saiba como gerenciar o seu bankroll 

Manter uma boa gestão de bankroll tem a ver com saber que o poker é um esporte com oscilações. Respeitar o bankroll é ter uma abordagem mais realista em relação ao esporte, sabendo que a variância exige que você tenha boas condições para enfrentar os jogos independente das circunstâncias. Sabe o que muitos especialistas sugerem? 

Que você jogue com no mínimo 50 vezes o valor que você paga para entrar no torneio ou na mesa de cash game. Isso significa que para você jogar um torneio de $11 de entrada, você precisa ter pelo menos $550 no caixa. Se você começar a perder muito, ajuste as expectativas e jogue torneios mais modestos. Você ainda não é um André Akkari, então vá devagar.

Você pode lançar mão de uma gestão mais conservadora, visando se tornar um vencedor a longo prazo. Essa é uma estratégia possível. Entenda que o seu bankroll é uma espécie de termômetro para que você consiga saber a aplicabilidade das dicas e os efeitos positivos disso.

Se o poker é um esporte de altos e baixos, saiba que para sobreviver nos vales precisa ter responsabilidades quando estiver no cume. Nada dura para sempre.

Temos três artigos sobre isso! Se quiser ler, basta acessá-los: 

Bankroll para iniciantes: se quer saber mais, clica aqui.

Bankroll: você sabe fazer sua gestão de banca?

Gestão de bankroll: como administrar sua banca de poker  

4. Separe um bom material de estudos

Essa dica é muito importante. Grandes jogadores de poker, em diferentes momentos, ressaltaram a importância do estudo em suas trajetórias profissionais. Em meio ao turbilhão de informações que nos bombardeia ao longo de um único dia, saber selecionar um bom material de estudos é primordial. 

Existem diferentes formas de se estudar para o poker: lendo livros sobre o jogo, fazendo cursos, tendo mentorias, acessando vídeos, analisando suas partidas e partidas de outros jogadores…

Pense seriamente na possibilidade de separar algumas horinhas por semana para se dedicar aos estudos.

Aqui na DM Créditos já fizemos alguns artigos sobre isso, de forma que vamos deixar os links abaixo para você:

Livros que ajudam a desenvolver o mindset do poker.

Os 4 melhores livros de poker para iniciantes.

Melhores dicas para manter o foco nos estudos de poker.

Estudo poker avançado: dicas para aprofundar seus estudos.

Como avançar nos estudos de poker e ter sucesso?

Os melhores cursos de poker para você elevar o seu nível de jogo.

5. Conheça a importância das posições em uma mesa de poker

Essa é uma daquelas dicas que a princípio não parece ser muito promissora, mas que basta uma pequena análise para saber que é muito importante ter uma boa noção das posições em uma mesa de poker e como isso interfere diretamente na sua estratégia de jogo.

Duas coisas, para começo de conversa: a referência da mesa é sempre o dealer (botão). As posições mudam após cada rodada. 

Ou seja, dentro de uma mesma partida, é importante saber quais são as vantagens e, por conseguinte, as desvantagens que você tem em cada posição. Os dois primeiros jogadores são os blinds, o small e o big. Eles têm a função de colocar no pano uma aposta obrigatória.

O dealer é a melhor posição da mesa. Nela, recomendamos que você dê raise 90% das vezes quando a mão chega em você em fold. É o lugar de ter postura agressiva.

As Middle Positions não são tão confortáveis para se jogar. É um lugar que exige certa cautela. E existem outras tantas posições e estratégias associadas a elas. Quer saber mais? Temos um artigo muito bom sobre o tema, no qual destrinchamos posição por posição no poker.

Não deixe de ler, basta clicar aqui.

6. Estude um pouco de matemática (juro, vale a pena)

Se você é de humanas e tem dificuldade até mesmo para contar o dinheiro do troco do ônibus, não se assuste. Não precisa ter medo, juro.

Mas a matemática é um componente tão essencial dentro do poker que é incontornável ter que aprender a fazer umas continhas e jogar com as probabilidades. Isso porque o poker é um jogo no qual não temos todas as informações que precisamos. 

E quanto mais você jogar amparado em probabilidades, maiores as chances de acerto. Isso é um fato incontestável. A aleatoriedade existe, gostamos dela e ela é bem-vinda. Mas não ache que a sorte é decisiva no poker. Em linhas gerais, a matemática do poker nos ensina que:

“Toda vez que você joga uma mão da mesma forma que você jogaria se pudesse ver todas as cartas dos seus oponentes, você vence. E toda vez que você joga uma mão de maneira diferente da que teria jogado se pudesse ver as cartas dos seus oponentes, você perde”.

Essa citação clássica de David Sklansky na obra “Teoria do Poker”, mostra que ao tomar decisões baseadas na matemática, as chances de sermos bons jogadores a longo prazo aumenta. Para entender isso, alguns conceitos são muito importantes (outs, range de mãos, pot odds, dentre outros). Temos um artigo sobre o tema, basta clicar aqui.    

7. Entenda como usar blefe da forma correta

Eis um assunto delicado. O blefe é a grande marca distintiva do poker. É um dos motivos que fazem o esporte ser o que ele de fato se tornou. Mas existe uma questão importante que deve ser dita: se você não sabe blefar, não o faça. Ou procure aprender como fazê-lo da forma correta.

O bluff ou blefe é uma verdadeira arte de ludibriar os seus adversários, demonstrando uma força (ou uma fraqueza) que não corresponde com as cartas que você tem em mãos.

Bem usado, ele vai te dar potes que em situações normais você jamais ganharia. Mal utilizado, ele pode complicar ainda mais uma situação que não é a das melhores. Entender essa linha tênue é um verdadeiro desafio.

O blefe tem a ver com a construção de uma imagem de si mesmo diante dos oponentes. Nossa dica, então, é que você gaste um tempo estudando esse conceito. Temos um material muito bom introduzir essa discussão, basta clicar nos links abaixo:

Tudo o que você precisa saber sobre o blefe no poker.

The book of Bluffs – O livro dos blefes.    

8. Entenda bem o seu nível de jogo e jogue nos lugares certos

 Essa é uma dica muito importante. Com a expansão do poker principalmente no ambiente virtual, tornou-se cada vez mais necessário saber bem onde você vai jogar e investir seu dinheiro e tempo. Saber o seu nível de jogo é um ato de humildade e sabedoria. A partir disso, você pode saber melhor em quais batalhas vai lutar. 

Existe uma profusão de salas virtuais que oferecem condições favoráveis para o seu nível de jogo. Se você joga poker por entretenimento ou tem maiores pretensões no esporte, não importa: saiba em que pé está o seu nível de jogo e, a partir daí, decida onde aprimorar suas habilidades. 

Estudar é importante e praticar o que se aprende é muito mais. Se você for jogar na PokerStars, saiba que o field é concorrido e o nível dos jogadores tende a ser maior – e isso vai te desafiar mais. Já na PokerBROS, por exemplo, ocorre o contrário: fields mais fáceis e muitos jogadores recreativos. 

Aqui na DM temos mais de uma dezena de artigos sobre as plataformas. Então, corre o olho no nosso blog e descubra artigos como esses:

Os melhores sites para se jogar poker online.

Sites de poker: dicas para escolher.

9. Acompanhe as publicações da DM Créditos

Como vocês puderam perceber, enriquecemos as dicas com artigos que já escrevemos aqui no nosso blog. Então, a última dica é que vocês nos acompanhem!

A equipe de redatores da DM Créditos está empenhada em oferecer artigos dos mais variados assuntos a respeito do poker e das apostas esportivas aqui para você. Entre no nosso blog, se cadastre e receba nossas novidades.

E não deixe de selecionar alguns de nossos artigos para começar seus estudos, ok? Obrigado por ter chegado até aqui. E se nos seguir, prometo que vamos te ajudar ainda mais. 

Conclusão 

Oferecemos, com frequência, uma série de textos que podem ser acessados gratuitamente em nosso blog, para que você se informe sobre os aspectos que envolvem casas de apostas e o universo do poker.

Além desse conteúdo gratuito, nós oferecemos uma cotação justa para que você possa adquirir fichas online, por meio de transações seguras e confiáveis, graças aos 11 anos de experiência que acumulamos no mercado. 

Por isso, o que precisar é só chamar a DM créditos que te ajudam a fazer as escolhas mais seguras!